3 de set. de 2022



Aos cinquenta, ainda 𝙚𝙭𝙥𝙚𝙧𝙞𝙢𝙚𝙣𝙩𝙖.
Aos sessenta, 𝙨𝙚 𝙨𝙚𝙣𝙩𝙖 entre um compromisso e outro, senão não aguenta.
Aos setenta e oitenta, por mais que 𝙨𝙚 𝙩𝙚𝙣𝙩𝙖, não sai mais coelho de cartola.
Por essas e outras é que devemos 𝙘𝙤𝙢𝙚𝙢𝙤𝙧𝙖𝙧 𝙖 𝙫𝙞𝙙𝙖 𝙩𝙤𝙙𝙤𝙨 𝙤𝙨 𝙙𝙞𝙖𝙨, 
quer seja de pé ou sentado, pois um dia todos estaremos deitados eternamente 
em berço não tão esplêndido.


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário