27/07/2021

Abobrinha Vampira (parmegiana)


Dona bruxa, porque você dá esses nomes estranhos para suas receitas? 

– Porque eu posso pensar fora da caixa e você também pode!

Então vamos lá à receita de hoje:

Depois de pronto o meu prato desta manhã, a primeira coisa que pensei foi do príncipe Wlademir, aquele das trevas que adora sangue fresco. Mandei uma mensagem pra ele, o convidando para o almoço, mas só depois é que eu me lembrei que ele dorme de dia e só acessa a internet a noite. Fica para outra vez, porque em casa ninguém vai deixar nada no prato.

Se também quiserem fazer a dita cuja, vão precisar de:

2 abobrinhas malhadas, daquela retinhas, sem a barriga.

Corte em fatias grossas e reserve. 

Bata um ovo e tempere com sal e pimenta do reino.

Noutro prato coloque farinha de rosca.

Aqueça uma frigideira grande com fiozinho de óleo.

Passe as fatias das leguminosas desvairadas no ovo e depois na farinha.

Frite dos dois lados, rapidinho, só para dourar. Não as deixem ficar lá saracutiando por muito tempo.



Numa travessa que possa ir ao forno ajeite as fatias uma ao lado da outra, depois de já tê-las escorrido em papel absorvente.

Coloque uma colherada de molho rústico, daqueles concentrados, eu uso da Fuji – é ótimo, não é massa de tomate não. Esse molho é o preferido do Wladi.

Cobre com mussarela ralada, salpique cebolinhas picadas e queijo ralado. 

Evite exageros, mas tudo tem que ter seu toque pessoal.

Regue com azeite e leve ao forno para gratinar. Sirva com arroz.

Gostou? Obrigada por vir. Se puder, compartilhe.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, sejam bem vindos. Para falar comigo, encomendar artes digitais, ilustrações e/ou produtos artesanais místicos deixe sua mensagem no meu whatsapp 11 99741.0864 - obrigada.