07/09/2020

Pandemia final dos tempos

Não podemos mais julgar a forma com que os jovens encaram a vida através de seus computadores. Eles não possuem aquela vivacidade, todo desejo que tínhamos e nem experiências como as nossas, mas a culpa não é deles.
Pessoas fizeram buracos fundo demais e finalmente chegaram na China; sabíamos desde criança que isso seria possível e finalmente por eles o mal passou.
O que não parecia problema nosso, afinal estava acontecendo do outro lado do planeta, de repente é problema de todo mundo. Desde muito tempo havia tanta coisa errada que não se consertou. Ignoramos, nos calamos, evitamos confronto e deu nisso. Mas por incrível que pareça, mesmo em meio há tanta inibição e medo, ainda tem os que acham que é excesso de zelo, exagero. "- Ficar em casa para que? Se morrer, pelo menos morro fazendo o que gosto ou o que preciso."
Pelo egoísmo, por atitudes impensadas, pelo descaso e ignorância pessoas continuam matando e morrendo.
Aos olhos de outros até a nossa preocupação, medo e aflição é sinal de fraqueza, como se tivessem nos ensinado em algum momento a encarar desafios como estes dos últimos tempos. Todos nós temos o direito de pedir ajuda de vez em quando, não dá para ser forte o tempo todo. Todos nós devemos pedir desculpas para o nosso eu do futuro e principalmente às nossas crias. Tomara que ainda dê tempo de fazer coisas boas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, sejam bem vindos. Para falar comigo, encomendar artes digitais, ilustrações e/ou produtos artesanais místicos deixe sua mensagem no meu whatsapp 11 99741.0864 - obrigada.